sexta-feira, 20 de novembro de 2015

Dicas Uteis: Como Aplicar Corrector

Olá Lindas!

Hoje vou falar-vos do papel dos corretores na maquilhagem, nomeadamente o que são, para que servem e como devem ser utilizados.


Antes de mais – e como o nome diz – o corretor serve para “corrigir”, pelo que só deve ser aplicado na pele se temos realmente imperfeições (manchas, borbulhas, olheiras, etc.), de modo a tapá-las e atenuá-las.
Idealmente deverá ser utilizado como complemento da base - que uniformiza e matifica – mas também pode ser aplicado sozinho, dependendo dos casos. De qualquer forma, o objetivo é sempre o mesmo: uma pele com uma tez mais perfeita e, preferencialmente, luminosa.

A grande dificuldade por vezes é saber que corretor é que devemos usar, nomeadamente de que cor. Para isso, podemos contar com a roda das cores:


Com base nesta roda, podemos escolher o nosso corretor tendo como princípio o facto das cores opostas se complementarem e desta forma “apagarem” a imperfeição. Assim, por exemplo, quem tem olheiras arroxeadas, deve usar a cor oposta, isto é, um corretor amarelo; já quem tem manchas castanhas na pele, deve usar os tons lilases; quem tem rosáceas (vermelhidão) deve usar o verde; e assim por diante.

Devem usar também corretores de acordo com o tipo de pele: corretores mais secos se a pele for gordurosa; corretores mais cremosos se a pele for seca.


Corrigir olheiras



Sabemos que as olheiras tendem a ser escuras, mas não caiam no erro de escolher um corretor demasiado claro, com a ilusão que as irá cobrir melhor, pois o resultado serão duas rodelas brancas à volta dos olhos! O ideal é escolher um corretor apenas um tom abaixo da nossa pele ou preferencialmente o tal corretor amarelo. Algumas dicas:

1. Preparem a pele com o hidratante do rosto habitual e, se for caso disso, o creme de contorno dos olhos.

2. Se as olheiras não forem muito profundas, podem aplicar primeiro a base, pois ao uniformizarmos a pele minimizamos de imediato as olheiras e o corretor servirá apenas para finalizar.

3. Caso tenham olheiras mais evidenciadas, primeiro vamos corrigir e só depois tornar uniforme. Neste caso, quando forem aplicar a base tenham cuidado para não arrastar o corretor. Apliquem-na com os dedos ou com uma esponja, sempre com leves pressões.

4. O corretor deve ser aplicado com os dedos ou com um pincel próprio, de formato fino e cantos arredondados.

5. Caso seja aplicado com os dedos, coloquem pequenas quantidades de produto por toda a zona inferior dos olhos e espalhem com o dedo anelar, em suaves batidas – pois trata-se de uma zona sensível - até que se funda com a pele.

6. Há quem defenda a utilização do pincel, pois trata-se de uma zona cheia de detalhes. Neste caso, apliquem o corretor em movimentos delicados, a partir do canto do olho para fora, até conseguirem um aspeto uniforme. No final, podem dar suaves batidas com os dedos.

7. Para um resultado final mais natural e duradouro, apliquem um pouco de pó translucido específico para os olhos, para iluminar e matificar. Este pó pode ser também utilizado nas pálpebras, como preparação para a maquilhagem de olhos ou apenas para iluminar.


Dissimular imperfeições do rosto


O corretor não serve apenas para disfarçar olheiras, mas também para matificar uma pele comborbulhas, manchas, pequenas cicatrizes, etc. Neste caso, o ideal é corrigir primeiro e aplicar a base depois. No entanto, podemos também utilizar apenas o corretor, sobretudo se for em stick, pois é aplicado diretamente no local a corrigir.

Manchas castanhas: Antes de aplicarem a base, utilizem um corretor lilás na zona da mancha e no rebordo (na diferença da mancha para o tom de pele normal), utilizando os dedos e fazendo batidinhas leves. Deixem absorver o corretor e, de seguida, coloquem uma base com bastante cobertura. Não usem pincel, para não remover o corretor, mas sim uma esponja que vão passar com leves pressões.

Rosácea: Utilizem um corretor verde para anular o vermelho e apliquem-no também com os dedos e suaves batidas, pois essas zonas sensíveis podem ficar mais vermelhas com a fricção. Quem não quiser usar base, pode só usar um corretor mais líquido, porque ele não se nota muito, mas sempre na zona da mancha, para depois não ficarem com cores estranhas na cara.

Se a rosácea for muito intensa, o corretor já terá de ser mais espesso e aí a pele deve ser uniformizada com a base.

Vitiligo e manchas de despigmentação provocadas pelo sol: Os corretores indicados para a correção do vitiligo são os vermelhos, mas não são fáceis de encontrar por cá. Não havendo, é preciso utilizar um corretor com um tom mais escuro do que a pele e depois o corretor do tom natural da pele. Se com a aplicação do tom mais escuro ficar suficientemente disfarçada, basta aplicar a base por cima.


Em qualquer dos casos, no final é importante aplicar um pó translucido, de preferência completamente transparente, para selar a maquilhagem. Como neste tipo maquilhagem a pele fica naturalmente mate, podemos misturar um pó brilhante, para que ela não pareça baça.

Fotos encontradas através do Google.

Este post foi elaborado em colaboração com a Zaask.Pt


E então, que acharam destas dicas?
Espero que tenham gostado.
:D
Beijinhos a todas!!
*****




8 comentários:

Deixa aqui o teu comentário: